Compliance - Transparência

O título nos remete a frequência com que sócios e gestores têm cobrado e são cobrados a exercê-la.

Volto com o assunto não só pela sua importância e, como dito, frequência de citação nas reuniões de sócios e conselhos, mas para chamar a atenção a sua prática no dia a dia e conectá-lo ao tema ética. Simples: se vai viajar com recursos da empresa relate onde foi, quanto gastou, como foi a reunião, que resultados ela deu, por que a frequência desta viagem, o que está perseguindo como meta a partir deste trabalho. Nas empresas familiares costuma-se não ter este tipo de relato.

O sócio sai, não avisa onde está, muitas vezes é o senhor de sua própria agenda e sem satisfações lógicas linkadas ao plano estratégico. Muitos dizem: só faço pela empresa e não aceito que duvidem.

Pois, torne sua vida mais simples e transparente, relate! Comunique-se com seus sócios e diretores e não deixe ninguém com a pulga atrás da orelha! Transparência, ética e comunicação ajudam a manter tudo “nos conformes”.


Fonte: LinkedIn - Oliveira e Olivi
Imagem: Negócio foto criado por senivpetro - br.freepik.com